Policial Rodoviário Federal salva a vida de criança engasgada no sertão paraibano Policial Rodoviário Federal salva a vida de criança engasgada no sertão paraibano Policial Rodoviário Federal salva a vida de criança engasgada no sertão paraibano

BANNER PRINCIPAL

SUPER BANNER

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Policial Rodoviário Federal salva a vida de criança engasgada no sertão paraibano



São Mamede (PB), 28/12/2022 – Equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF), composta por dois policiais, almoçava em um restaurante localizado às margens da BR 230, km 313, em São Mamede, sertão paraibano, quando foi abordada por uma garçonete aflita que solicitava socorro para uma menina, de aparentemente 10 anos, que estava engasgada. Prontamente os policiais foram até o seu encontro e se depararam com uma cena angustiante, a criança sem conseguir respirar agonizava, enquanto seus pais entravam em desespero.

Rapidamente, o PRF Azevedo II vendo aquela situação, tomou a frente do salvamento, enquanto o PRF Leandro da Silva prestava suporte emocional aos pais da criança, pois naquele momento cada milésimo de segundo seria a diferença entre a vida e a morte. O policial aplicou o método de desobstrução das vias aéreas superiores chamada Manobra de Heimlich, técnica de primeiros socorros utilizada em casos de emergência por asfixia, provocada por um pedaço de comida ou qualquer tipo de corpo estranho que fique entalado nas vias respiratórias, impedindo a pessoa de respirar. Nessa manobra, utilizam-se as mãos para fazer pressão sobre o diafragma da pessoa engasgada, o que provoca uma tosse forçada e que faz com que o objeto seja expulso dos pulmões.

O conhecimento de primeiros socorros, somada à agilidade dos policiais e precisão durante a manobra de Heimlich, fez com que o alimento fosse expulso e a criança voltasse a respirar. Os pais, ainda bastante nervosos, ficaram muito agradecidos pela atitude heroica dos policiais que prestaram todo o apoio necessário em um momento de muita tensão, angústia e impotência.

SAIBA COMO FAZER A MANOBRA DE HEIMLICH:

Conforme o material informativo do portal EduCAPES, do Ministério da Educação, após se detectar que a pessoa não consegue respirar corretamente, devido a um engasgamento, o primeiro passo é pedir para ela tossir com força e em seguida aplicar cinco pancadas secas nas costas com a base de uma mão. Caso isso não seja suficiente, deve- se preparar para aplicar a Manobra de Heimlich, que pode ser feita de três formas:

1-Na pessoa acordada
Esta é a Manobra de Heimlich tradicional, sendo a principal forma de realizar a técnica. O passo-a-passo consiste em: posicionar-se por detrás da vítima, envolvendo-a com os braços; fechar uma das mãos, com o punho bem fechado e o polegar por cima; posicioná-la na região superior do abdômen, entre o umbigo e a caixa torácica; colocar a outra mão sobre o punho fechado, agarrando-o firmemente; puxar com força ambas as mãos para dentro e para cima.
OBS: Caso essa região seja de difícil acesso, como pode acontecer em obesos ou gestantes nas últimas semanas, uma opção é localizar as mãos sobre o tórax.

2-Na pessoa desmaiada
Quando a pessoa está inconsciente ou desmaiada, e com as vias aéreas obstruídas, a Manobra de Heimlich deve ser abandonada e deve- se chamar a ajuda médica imediatamente, iniciando-se a seguir a massagem cardíaca do suporte básico de vida. Normalmente, a pressão causada pela massagem cardíaca também pode levar à saída do objeto que está causando a obstrução, ao mesmo tempo que mantém o sangue circulando pelo corpo, aumentando as chances de sobrevivência.

3-Na própria pessoa
É possível que uma pessoa se engasgue estando sozinha, e, caso isso aconteça, é possível aplicar a Manobra de Heimlich em você mesmo. Neste caso, a manobra deve feita da seguinte forma: cerrar o punho da mão dominante e posicioná-la na parte superior do abdômen, entre o umbigo e o final da caixa torácica; segurar esta mão com a mão não dominante, conseguindo um melhor apoio; empurrar com força, e de forma rápida, as duas mãos para dentro e para cima.

4- Em bebês
O primeiro passo é deitar a criança sobre o braço com a cabeça um pouco mais baixa que o tronco e observar se existe algum objeto em sua boca que possa ser removido. Caso contrário, e ela continuar engasgada, deve-se incliná-la, com a barriga sobre o braço, com o tronco mais baixo que as pernas, e dar 5 palmadas com a base da mão nas suas costas.