Escola é incendiada e outra arrombada na cidade de Lagoa (PB); polícia acredita em atos criminosos Escola é incendiada e outra arrombada na cidade de Lagoa (PB); polícia acredita em atos criminosos Escola é incendiada e outra arrombada na cidade de Lagoa (PB); polícia acredita em atos criminosos

BANNER PRINCIPAL

SUPER BANNER

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Escola é incendiada e outra arrombada na cidade de Lagoa (PB); polícia acredita em atos criminosos




Dois crimes contra escolas públicas localizadas no município sertanejo de Lagoa (389 km de João Pessoa, Paraíba) aconteceram no último sábado (12). A Escola Estadual Cidadã Integral Frei Bruno foi alvo de um incêndio de origem provavelmente criminosa. As chamas começaram no almoxarifado e se alastraram para o telhado do prédio, fazendo com que as telhas caíssem.

 

O comandante da Polícia Militar de Lagoa, Jackson, contou que por volta das 15h30 recebeu um chamado de moradores alertando que havia fumaça saindo do telhado a escola Frei Bruno. “Constatamos o incêndio e não dava para entrar porque o prédio estava fechado. Procuramos a direção da escola e quando entramos, vimos que no almoxarifado havia muito fogo e já tinha queimado até a madeira do telhado, as telhas estava, caindo. Não pudemos fazer nada além de chamar os Bombeiros de Pombal que compareceram e apagaram as chamas”.

Os policiais militares e alguns populares estavam levando materiais da primeira escola para a Escola Estadual de Ensino fundamental Monsenhor Valeriano Pereira quando perceberam que o prédio também tinha sido alvo de criminosos. A porta foi arrombada e vários objetos quebrados.

A hipótese investigada para a motivação do incêndio é que tenha sido criminoso. No lado de fora do muro e na parte interna foram deixadas cadeiras com as quais provavelmente o vândalo entrou no local. Além disso, duas buchas com material inflamável e um isqueiro foram esquecidos perto do almoxarifado.

A polícia também apura se os crimes tiveram relação.



ParalamentoPB