Corpo do jornalista paraibano Ribamar Rodrigues é velado e sepultado em Brasília Corpo do jornalista paraibano Ribamar Rodrigues é velado e sepultado em Brasília Corpo do jornalista paraibano Ribamar Rodrigues é velado e sepultado em Brasília

BANNER PRINCIPAL

SUPER BANNER

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Corpo do jornalista paraibano Ribamar Rodrigues é velado e sepultado em Brasília




Aconteceu na tarde desta terça-feira (15), em Brasília, o velório do jornalista paraibano Ribamar Rodrigues, que faleceu nessa segunda-feira (14) vítima de um câncer, aos 58 anos.

O comunicador paraibano lutava conta um câncer de Melanoma de pele desde 2020, onde já estava em metástase, e infelizmente não resistiu.

Ribamar faleceu na cidade de Catalão, em Goiás, mas seu velório e sepultamento aconteceram em Brasília, na Capela 2 do Cemitério Campo da Esperança, localizado na Asa Sul.


CZN 
Natural de Cajazeiras, Ribamar deu início à sua carreira na rádio Alto Piranhas e depois presidiu a Associação Cajazeirense de Imprensa (ACI). Também atuou na assessoria de imprensa do ex-senador Ney Suassuna e do, à época, PMDB, onde precisou se mudar para Brasília.