Homem mata esposa com golpes de facão na cabeça e limpa arma em página da bíblia em Campina Grande PB Homem mata esposa com golpes de facão na cabeça e limpa arma em página da bíblia em Campina Grande PB Homem mata esposa com golpes de facão na cabeça e limpa arma em página da bíblia em Campina Grande PB

BANNER PRINCIPAL

SUPER BANNER

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Homem mata esposa com golpes de facão na cabeça e limpa arma em página da bíblia em Campina Grande PB






 
Uma mulher identificada como Juliete Alves da Silva, de 32 anos de idade, foi morta com golpes de facão na região da cabeça, na manhã desta sexta-feira (26) no bairro de José Pinheiro, em Campina Grande. Segundo informações da Polícia Militar, o principal suspeito é o esposo da vítima que foragiu após o cometimento do crime.


De acordo com relatos de testemunhas, após cometer o feminicídio, o homem teria acordado sua enteada de 13 anos, para informar sobre o que tinha praticado.

A polícia informou que quando chegou no local se dirigiu até o quarto da vítima onde houve a cena do crime. A adolescente de 13 anos disse que por volta das 4h da madrugada teria ouvido gritos de sua mãe pedindo socorro, e momentos depois o padrasto bateu na porta de seu quarto e comunicou que tinha matado a esposa porque ela estava lhe traindo.



Ao todo, o casal cuidava de seis filhos, sendo três dela, de um outro relacionamento, e mais três sobrinhos do companheiro.


A delegada Elizabeth Beckman disse que o assassino teria limpado a arma do crime em uma página da bíblia, visto que, conforme as investigações, a família é membro de uma igreja evangélica da localidade.

“Eles têm várias Bíblias abertas dentro de casa, e ele limpa [a arma do crime] em um capítulo da Bíblia logo após cometer o crime, no Salmo 102”, explicou a delegada. (trecho em itálico reproduzido do G1/PB).

O indivíduo, que tem 34 anos de idade, foragiu e até o fechamento desta matéria a polícia não tinha obtido êxito na captura.

O corpo da vítima foi conduzido ao IML de Campina Grande para realização de exames cadavéricos.

G1