Paraibano preso no RN era vigilante lotado na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de João Pessoa (PB) Paraibano preso no RN era vigilante lotado na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de João Pessoa (PB) Paraibano preso no RN era vigilante lotado na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de João Pessoa (PB)

BANNER PRINCIPAL

SUPER BANNER

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Paraibano preso no RN era vigilante lotado na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de João Pessoa (PB)




O homem identificado como DIJANILSON MEIRELES DE LIMA, vulgo “SAPUTI”, preso essa semana no Bairro de Cajupiranga, em Parnamirim (RN), em ação da Deicor e com a Polícia Civil da Paraíba e a PRF, era lotado como vigilante na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de João Pessoa (PB). Pelo menos é o que consta no Portal da Transparência. Veja imagem printada:


O homem era considerado o número dois da facção OKAIDA, que tem atuação no estado da Paraíba. Contra ele existia mandado de prisão em aberto.

A informação da lotação do “Sapoti” na Prefeitura da capital paraibana, foi divulgada pelo deputado estadual, Walber Virgolino, em suas redes sociais.

O “SAPOTI” responde a mais de 10 processos criminais por homicídios, tráfico de drogas, associação para o tráfico e organização criminosa.