Operação Corpus Christi da Polícia Rodoviária Federal busca reduzir acidentes Operação Corpus Christi da Polícia Rodoviária Federal busca reduzir acidentes Operação Corpus Christi da Polícia Rodoviária Federal busca reduzir acidentes

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Operação Corpus Christi da Polícia Rodoviária Federal busca reduzir acidentes





A operação Corpus Christi 2022 da Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai dessa quarta-feira (15) até à meia noite de domingo (19). Devido ao feriado prolongado, o fluxo de veículos e pessoas nas rodovias aumenta. A operação conta com a participação dos policiais rodoviários, que serão responsáveis pelo policiamento e a fiscalização com foco na segurança viária. 

A chefe do núcleo de Comunicação Social da PRF, Mônica Pellegrini, lembra a importância de verificar as condições do veículo antes de pegar a estrada para aproveitar o feriado. “Para ter uma viagem segura, é importante que o condutor do veículo nunca utilize o celular, pois é importante manter a máxima atenção na estrada. Respeite sempre os limites de velocidade e a distância entre os demais veículos”, orienta. 

Planejar a viagem 

Arisio Cordeiro, de 53 anos, é empresário e vai aproveitar o feriado para viajar com a família para Caldas Novas (GO). Segundo Arisio, antes de viajar de carro, a primeira coisa que faz é uma revisão no veículo para saber se está tudo certo para a estrada.  “Eu faço essas revisões mais rápidas, verifico a água, os pneus, step, confiro todos os equipamentos e vejo qual a melhor estrada para o local onde eu vou”, completa o empresário.
A precaução de Arisio é uma das primeiras orientações da PRF para quem vai viajar.

Com baixa cobertura vacinal, Brasil pode voltar a registrar doenças erradicadas

Aplicativo auxilia jovens a escolher a profissão

Confira a lista completa:

   Antes de viajar, o proprietário do veículo deve verificar as condições do carro. A manutenção deve estar em dia, em especial em relação aos itens de segurança, como sistema de freios, pneus e sistemas de iluminação e sinalização.

    A viagem deve ser planejada de modo que o condutor não dirija por mais de quatro horas ininterruptas. Ele deve estar descansado e em condições físicas e psicológicas para conduzir o veículo. Deve haver planejamento para abastecimento e alimentação também.

    O veículo só pode levar até a capacidade máxima de passageiros permitida pelo manual. Todos os ocupantes devem usar o cinto de segurança ou, em caso de crianças, o sistema de retenção equivalente.
    
As bagagens devem ser levadas em compartimento próprio, para evitar lesões em caso de envolvimento em acidentes. Se forem levadas em compartimento de passageiros, elas podem se deslocar e machucar os ocupantes do carro.

    Os motoristas devem respeitar a sinalização, a velocidade máxima estabelecida para a via e, em relação às ultrapassagens, devem realizar a manobra somente em locais permitidos e quando houver tempo e distância para concluir a manobra sem colocar o trânsito em risco. Ressalta-se que ultrapassagens mal realizadas são responsáveis por um terço das mortes em rodovias federais.
    
Em caso de chuva, a velocidade deve ser reduzida, os faróis devem permanecer acesos e a distância de segurança entre os veículos deve aumentar 


Fonte: Brasil 61 -