Vigilante vítima de disparo de arma de fogo, não resiste e morre no Hospital Regional de Sousa Vigilante vítima de disparo de arma de fogo, não resiste e morre no Hospital Regional de Sousa Vigilante vítima de disparo de arma de fogo, não resiste e morre no Hospital Regional de Sousa

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Vigilante vítima de disparo de arma de fogo, não resiste e morre no Hospital Regional de Sousa





Um vigilante de rua, identificado como Rosildo Lindolfo de Sousa, de 41 anos, o qual havia sido vítima de uma tentativa de homicídio na noite de ontem (16), na Rua Dom Pedro I, as proximidades do Super Félix, no bairro da Estação, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito por volta das 8h desta terça-feira (17).



Conforme informações, a vítima foi abordada por uma pessoa em uma moto, que efetuou alguns tiros de arma de fogo, sendo que um deles atingiu a vítima, que foi socorrida por uma equipe do SAMU ao Hospital Regional de Sousa (HRS), onde faleceu nesta manhã.


Da Redação
Sertão Informado