Réus acusados de homicídio qualificado são absolvidos em Cajazeiras Réus acusados de homicídio qualificado são absolvidos em Cajazeiras Réus acusados de homicídio qualificado são absolvidos em Cajazeiras

BANNER PRINCIPAL

SUPER BANNER

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Réus acusados de homicídio qualificado são absolvidos em Cajazeiras



Na manhã dessa terça-feira (24), ocorreu uma sessão realizada pelo Tribunal do Júri da Comarca de Cajazeiras, que tinha como réus José Weberton Alves de Oliveira e Francisco Ferreira Vieira, que eram acusados de terem praticado um crime de homicídio qualificado.

De acordo com os autos do processo, José Weberton Alves de Oliveira e Francisco Ferreira Vieira eram acusados de no dia 24 de Maio de 2020, por volta das 10h30, na Rua Pedro Revoltoso, na em Cajazeiras, de terem assassinado o popular José Marcos Ramos Pereira.

O Ministério Público representado pelo promotor de Justiça apresentou as suas alegações e requereu a condenação dos homens, sendo em seguida ouvidas as testemunhas do caso. Posteriormente em plenário, a advogada Luanda Mendes Morais e Alessandra que é Bacharel em Direito, constituíam a defesa do então réu José Weberton Alves de Oliveira, a qual foram apresentadas provas e argumentos, sendo requerida a absolvição.


O Conselho de Sentença por maioria de votos reconheceu que os réus José Weberton e Francisco Ferreira eram inocentes. O Juiz de Direito Ricardo Henriques Pereira Amorim que presidia a sessão, por fim leu a sentença de absolvição e determinou a soltura imediata dos homens. 

O destaque do Tribunal do Júri foi a constituição da defesa que foi composta por duas mulheres, que a cada dia vem conquistando mais espaço no ramo do Direito.

Debate Paraíba