Operação policial da DRACO termina com dois mortos no confronto, em Pombal Operação policial da DRACO termina com dois mortos no confronto, em Pombal Operação policial da DRACO termina com dois mortos no confronto, em Pombal

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Operação policial da DRACO termina com dois mortos no confronto, em Pombal





Uma ação policial da DRACO (Delegacia de Repressão ao Crime Organizado) e do Grupo de Operações Especiais (GOE) da polícia civil da Paraíba terminou com dois mortos e outras duas pessoas presas, na manhã desta quinta-feira (28), em Pombal.

Relatos que policiais cumpriam ordens judiciais contra dois acusados de crimes na cidade, mas eles teriam confrontado com os agentes, sendo atingidos com disparos e ainda socorridos com vida para o hospital regional local, falecendo poucos minutos após.

Os mortos foram Evandro Nobre Oliveira Filho, conhecido por “Novinho” (na foto, à esquerda) e Igor Natan Alves de Oliveira (na foto, à direita), de 21 anos.

“Novinho” já havia sido preso várias vezes em Pombal pela prática de assaltos e tráfico de drogas, tendo sido condenado em um dos processos por roubo a mais de 12 anos de prisão. A polícia informou que Natan já havia sido preso por tráfico.



Esta foi a terceira ação da DRACO que acaba em mortes de acusados de crimes em Pombal. Em agosto de 2021, o confronto resultou na morte Raimundo Nonato da Costa, de 57 anos (relembre o caso), e em janeiro deste ano Francisco Félix Alves de Oliveira, de 25 anos, também foi morto (confira).

Blog do Naldo Silva