Réus acusados pela morte do empresário patoense Júnior Somadeira são absolvidos pelo placar de 4×3 Réus acusados pela morte do empresário patoense Júnior Somadeira são absolvidos pelo placar de 4×3 Réus acusados pela morte do empresário patoense Júnior Somadeira são absolvidos pelo placar de 4×3

BANNER PRINCIPAL

SUPER BANNER

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Réus acusados pela morte do empresário patoense Júnior Somadeira são absolvidos pelo placar de 4×3




Foi realizado ao longo desta terça-feira, dia 15 de março, no Fórum Miguel Sátyro, em Patos, o júri popular dos acusados pela morte do empresário patoense Adalberto Avelino de Medeiros Júnior, conhecido popularmente como Júnior Somadeira.

Em um júri demorado, que teve início às 09h00min e terminou por volta das 00h00min, os três réus acusados, Francisco Avelino de Medeiros, tio da vítima; Arlan Andrade de Medeiros, primo da vítima; e Karlos Henrique Alves Rodrigues (“Malukada”), sendo primo e tio os mandantes do crime e Karlos o executor, foram absolvidos pelo placar apertado de 4×3.


Eles foram reconhecidos inocentes por falta de provas pelo Conselho de Sentença de Patos. O Ministério Público vai recorrer da decisão e agora resta aguardar o resultado do recurso para saber se a história ainda terá novos desdobramentos.


O júri ocorreu dentro da mais perfeita normalidade diante das expectativas em torno dele, com alguns embates e algumas providências que ocorrem normalmente em uma sessão de júri.


Relembre o crime


O crime aconteceu na manhã do dia 02 de janeiro de 2018, por volta das 06h50min, no interior do estabelecimento comercial “Só Premoldados”, localizado na Rua do Prado, no bairro da Liberdade, em Patos, quando Karlos Henrique, vulgo “Malukada”, juntamente com um menor, chegaram em uma motocicleta Honda NXR 150 Bros ES, de cor vermelha, e em posse de uma arma, adentraram no referido estabelecimento e anunciaram o que seria um possível assalto.


Os dois mandaram a vítima, Júnior Somadeira, e outro funcionário deitarem no chão, e nesse momento os mesmo realizaram diversos disparos de arma de fogo contra Júnior, que veio a óbito ainda no local. Em seguida, os assassinos fugiram sem levar nenhum pertence da vítima.


Patosonline.com


Relacionado