Presidente da Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento do Semiárido Paraibano da ALPB participa de seminário sobre Transposição do São Francisco em Cajazeiras Presidente da Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento do Semiárido Paraibano da ALPB participa de seminário sobre Transposição do São Francisco em Cajazeiras Presidente da Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento do Semiárido Paraibano da ALPB participa de seminário sobre Transposição do São Francisco em Cajazeiras

BANNER PRINCIPAL

SUPER BANNER

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Presidente da Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento do Semiárido Paraibano da ALPB participa de seminário sobre Transposição do São Francisco em Cajazeiras



 
A deputada estadual e presidente da Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento do Semiárido Paraibano na Assembleia Legislativa da Paraíba, Pollyanna Dutra, estará em Cajazeiras nesta quinta-feira (24) para participar do seminário Transposição do São Francisco – Oportunidades de Desenvolvimento da Região do Sertão.
 
De acordo com a deputada, toda a sociedade paraibana precisa estar mobilizada para tirar o melhor proveito da transposição.  “A chegada da transposição, por si só, não mudará a dura realidade do nosso semiárido. É preciso ampliar o debate sobre o pós-transposição”, afirma.
 
Segundo Pollyanna, a Frente Parlamentar pelo Desenvolvimento do Semiárido terá uma atuação ostensiva nos debates acerca da Transposição para garantir um efetivo desenvolvimento regional e integrado da Paraíba.
 
“Vamos trabalhar juntos para que os benefícios da transposição sejam ainda maiores do que o tamanho da grandeza física e da dimensão simbólica do rio São Francisco”, destaca.
 
Pollyanna Dutra disse que a realização do seminário sobre a transposição é um exemplo muito positivo de união de esforços pela Paraíba e do protagonismo do Sertão. “A Fecomércio-PB, o Sebrae-PB e a Câmara de Dirigentes Lojistas de Cajazeiras estão de parabéns. Essa é mais uma prova de que o papel de coadjuvante ao qual o Sertão foi relegado durante muitos anos ficou no passado”, declara.