Após assembleia, policiais civis aceitam proposta do Governo de incorporação da Bolsa Desempenho e reajuste salarial Após assembleia, policiais civis aceitam proposta do Governo de incorporação da Bolsa Desempenho e reajuste salarial Após assembleia, policiais civis aceitam proposta do Governo de incorporação da Bolsa Desempenho e reajuste salarial

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Após assembleia, policiais civis aceitam proposta do Governo de incorporação da Bolsa Desempenho e reajuste salarial




 
Em assembleia realizada nesta quarta-feira (12), associações representativas da Polícia Civilaceitaram a proposta salarial do Governo do Estado de incorporação de 100% da bolsa desempenho ao salário em 48 meses, sendo 20% implantado de imediato neste início de ano. A assembleia ocorreu na Central de Polícia Civil, em João Pessoa.

Além da bolsa desempenho, também foi aceito 10% de reajuste salarial com efeito imediato para todo o efetivo ativo e inativo.

Os policiais apontaram que, mesmo aceitando a proposta, devem continuar em negociação com o Governo do Estado pelo Plano de Cargos Carreira e Remuneração (PCCR) da categoria.

De acordo com o presidente da Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados de Polícia da Paraíba (Adepdel), delegado Steferson Nogueira, ainda falta a associação dos delegados de Polícia Civil aceitar a proposta, mas ele acredita que a categoria, que se reúne na manhã desta quinta-feira (13), vai aderir ao acordo coletivo.

“A assembleia foi representando agentes de investigação, escrivães e peritos. A dos delegados vai ocorrer amanhã, mas deve ter a mesma linha adotada porque a gente está em uma caminhada junta”, adiantou Steferson.

Nessa terça-feira (11), quem aceitou a proposta foi a Polícia Penal do Estado da Paraíba.