Morre Seu Natércio Gonçalves Barreto, Proprietário da farmácia mais antiga de Cajazeiras Morre Seu Natércio Gonçalves Barreto, Proprietário da farmácia mais antiga de Cajazeiras Morre Seu Natércio Gonçalves Barreto, Proprietário da farmácia mais antiga de Cajazeiras

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Morre Seu Natércio Gonçalves Barreto, Proprietário da farmácia mais antiga de Cajazeiras






Faleceu na tarde desta quinta-feira (16), no Hospital Regional de Cajazeiras, o comerciante Natércio Gonçalves Barreto, proprietário da farmácia mais antiga de Cajazeiras.

Seu Natércio da Farmácia, como era conhecido, tinha 90 anos e faleceu de causas naturais. O corpo será velado na Funerária São Sebastião, nesta quinta, e será sepultado no Cemitério Nossa Senhora Aparecida nesta sexta-feira.

O patriarca da família Gonçalves Barreto nasceu em Catolé do Rocha e veio para Cajazeiras em meados dos anos 1960, de onde não saiu mais. Ele casou com Maria Mendes Barreto e teve nove filhos.

Filho de Lindolfo Gonçalves e Maura Isidro de Melo, ambos, agricultores, Natércio nasceu em 23 de dezembro de 1931 na cidade de Catolé do Rocha, sertão paraibano. Seu Natércio da Farmárcia iniciou a trajetória de trabalho desde muito cedo em sua terra natal.

A união conjugal com Maria Mendes Barreto lhe proporcionou a dádiva de ser pai de nove filhos, ambos com atuação destacada em toda a Paraíba.


PRIMEIROS PASSOS

Seu primeiro trabalho foi aos sete anos de idade numa padaria. Aos 14 anos foi convidado a trabalhar em uma empresa exportadora de couros, uma das maiores da América Latina, instalada em Campina Grande a convite do senhor José Alencar, agente da empresa. Trabalhou por um período de 10 anos tornando-se especialista em couro silvestre.

Em 1958, mudou de profissão passando a ser construtor contratado pela empresa LAVOR CONSTRUTORA, na época, a maior na Paraíba. Foi administrador, nas terras da região de Pombal e construiu, durante sua gestão o açude MUFUMBO.

Natércio trabalhou na VIAÇÃO ANDORINHA E GAIVOTA do empresário João Rodrigues. Em meados de 1960 decidiu trabalhar por conta própria montando seu próprio negócio, um barraco, nas proximidades do terminal ferroviário que lhe favorecia atender a viajantes servindo, café, lanches, almoço, jantar, caldos e sopas.


Dessa forma, inicia-se a trajetória bem sucedida de um homem determinado a desenvolver seus negócios através de dedicação e muito trabalho. Com ascensão do seu comércio e a pedido de seus amigos e clientes das mais variadas classes sociais, Natércio decide montar uma pousada, que depois passou a ser o HOTEL CACIQUE.

Em 1975, aos 44 anos, Natércio compra a FARMACIA CRUZ VERMELHA do Sr. Valdomiro, fundada em 1924. Consolidando assim seu comércio como a mais antiga e tradicional farmácia da cidade de Cajazeiras.