Jovem morto com 9 tiros iria prestar depoimento sobre assassinato de amigos, na cidade de Pedras de Fogo, Jovem morto com 9 tiros iria prestar depoimento sobre assassinato de amigos, na cidade de Pedras de Fogo, Jovem morto com 9 tiros iria prestar depoimento sobre assassinato de amigos, na cidade de Pedras de Fogo,

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Jovem morto com 9 tiros iria prestar depoimento sobre assassinato de amigos, na cidade de Pedras de Fogo,



O jovem que foi morto com quase 10 tiros na tarde dessa quarta-feira (15), na cidade de Pedras de Fogo, Litoral Sul da Paraíba, havia sido intimado para prestar depoimento sobre o duplo homicídio que vitimou dois amigos.

Joel Vidal Bento do Nascimento, de 25 anos, era amigos dos jovens José Lucas, de 18 anos, e Jeferson Alves, de 19, que foram assassinados em uma praça pública da cidade no dia 7 de dezembro.

Joel estava com os amigos no dia do crime e teria presenciado o duplo homicídio.

Ele foi intimado para prestar depor sobre o crime, mas antes de prestar depoimento foi morto com vários tiros.

Segundo o delegado Paulo Martins disse ao Notícia Paraíba, familiares contaram que o jovem estava em casa, recebeu uma ligação e foi até uma quadra poliesportiva.

A vítima foi morta com nove tiros na arquibancada da quadra, não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu no local.

O suspeito fugiu logo após cometer o crime e ainda não foi localizado.

A polícia acredita que a morte do jovem foi uma queima de arquivo. O autor do homicídio ainda não foi localizado e a Polícia Civil está investigando o caso.

Fonte: Notícia Paraíba