Homem acusado de matar o ex-sogro a tiros é condenado pelo tribunal do júri de São José de Piranhas Homem acusado de matar o ex-sogro a tiros é condenado pelo tribunal do júri de São José de Piranhas Homem acusado de matar o ex-sogro a tiros é condenado pelo tribunal do júri de São José de Piranhas

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Homem acusado de matar o ex-sogro a tiros é condenado pelo tribunal do júri de São José de Piranhas






No último dia 14 deste mês de outubro, LÚCIO FLÁVIO SOARES BEZERRA foi julgado pelo Tribunal do Júri de São José de Piranhas - PB acusado de matar seu ex-sogro a tiros o agricultor Francisco Alves fato registrado  na PB-384, que dar acesso ao município de Carrapateira.
.
O MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DA PARAÍBA ofereceu denúncia contra LÚCIO FLÁVIO SOARES BEZERRA, já qualificado nos autos, imputando-lhe a prática do crime previsto no art. 121, §2º, incisos II e IV, do Código Penal.

Narra à denúncia que, no dia 19 de outubro de 2018, por volta das 14 horas, no Sítio Picadas dos Ferreiras, no Município de São José de Piranhas, a vítima ia para uma pescaria na garupa de uma motocicleta, quando o réu a perseguiu e efetuou disparos de arma de fogo que foram a causa da morte da vítima. Segundo ainda afirma a acusação, os disparos foram realizados pelas costas da vítima, não se permitindo a defesa. 

O crime teria sido praticado por motivação fútil, decorrente de uma discussão conjugal entre o suspeito e a filha da vítima.

Ao final o tribunal do júri condenou o réu a uma pena de 22 anos e seis meses de reclusão em regime fechado.