Vendedor de água mineral tem caixa de isopor quebrada e garrafas estouradas por limpadores de para-brisas em Patos Vendedor de água mineral tem caixa de isopor quebrada e garrafas estouradas por limpadores de para-brisas em Patos Vendedor de água mineral tem caixa de isopor quebrada e garrafas estouradas por limpadores de para-brisas em Patos

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Vendedor de água mineral tem caixa de isopor quebrada e garrafas estouradas por limpadores de para-brisas em Patos



O jovem Wilker, que é bastante conhecido em Patos por vender água mineral nas proximidades da Catedral, no Centro de Patos, foi atacado nesta segunda-feira (6) por menores que ficam limpando para-brisas nos semáforos.

Wilker vinha passando no semáforo do antigo Cinema quando foi surpreendido por três limpadores de para-brisa. Eles tomaram a caixa de isopor de Wilker e estouraram todas as garrafas de água mineral que tinha. O motivo ainda é desconhecido, mas fato é que esses menores vêm causando grande perturbação pelas ruas de Patos.

As imagens de segurança de um estabelecimento comercial mostram quando Wilker passa e logo surgem na tela os três menores, que vão em direção ao jovem. As câmeras não captaram a ação brutal dos menores, mas populares que passavam no local descreveram a cena como absurda e inaceitável, pois Wilker é tranquilo e sempre vendeu suas águas sem causar problema a ninguém.

Muitos estão comovidos com a situação e estão buscando prestar assistência ao jovem Wilker. Ele é conhecido pelo modo educado com que se dirige às pessoas na rua para oferecer água e pelas roupas que veste, um diferencial atrativo.

Sobre os menores nos semáforos

 “Esses menores que ficam nos semáforos estão tirando a paz dos patoenses ultimamente, entre eles os ‘gêmeos’, que limpam para-brisas no semáforo da prefeitura, que inclusive aparecem em outras imagens de câmeras colocando fogo em um terreno baldio na Avenida Rio Branco, no centro de Patos, no fim do mês de agosto. Além disso, os menores de idade insultam motoristas diariamente, jogam água com sabão nas pessoas que se negam a pagar gorjeta e, até o momento, ninguém tomou providência para o caso”, disse.

Segundo ele, por diversas vezes o Conselho Tutelar já foi acionado para verificar a situação e tomar uma providência, mas até o momento, nada foi feito. A vara de infância e juventude de Patos também já discutiu essa problemática, mas eles continuam nos semáforos.

Patosonline.com