Pequeno Diego Nycollas que foi vítima de queimaduras já está fora de perigo, em Fortaleza; Médico foi afastado em Conceição Pequeno Diego Nycollas que foi vítima de queimaduras já está fora de perigo, em Fortaleza; Médico foi afastado em Conceição Pequeno Diego Nycollas que foi vítima de queimaduras já está fora de perigo, em Fortaleza; Médico foi afastado em Conceição

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Pequeno Diego Nycollas que foi vítima de queimaduras já está fora de perigo, em Fortaleza; Médico foi afastado em Conceição



O pequeno Diego Nycollas, de 1 ano e 8 meses de idade, que foi vítima de um acidente doméstico ao se queimar com óleo quente, fato ocorrido na última sexta-feira (27), na residência da família, localizada no Bairro Nossa Senhora de Fátima, em Conceição, já está bem, depois de receber atendimento num hospital de referência para queimaduras, na cidade de Fortaleza - CE. Nesta quarta-feira (1), familiares exibiram um vídeo na internet, mostrando a criança brincando nos corredores do hospital, onde está internada, em Fortaleza.

O fato ganhou grande repercussão depois que a criança foi transferida de helicóptero da cidade de Mauriti-CE para a capital cearense. O procedimento ocorreu depois que a família da criança foi autorizada a levá-la do Hospital e Maternidade Caçula Leite, em Conceição pelo médico plantonista, que garante que o procedimento ocorreu a pedido dos pais e que a criança estava sendo observada na unidade de saúde.

Leia mais: Criança de 1 ano e 8 meses tem corpo queimado por óleo quente, em Conceição

No dia seguinte, por ter laços familiares na cidade de Mauriti, a família levou a criança para um hospital daquele município, de onde foi transferida de helicóptero para a capital, onde todo tratamento está sendo realizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS), sem custo financeiro para a família.

Leia também: Criança que se queimou com óleo quente em Conceição segue em recuperação

No entanto, as cenas fortes da criança apresentando queimaduras expostas, através das redes sociais, chamou a atenção da Paraíba inteira, e comoveu a todos. Diante disto, também nas redes sociais, teve início uma campanha para arrecadar dinheiro para um eventual tratamento da criança, que está sendo tratada num hospital público, sem gasto algum para a família, pelo menos enquanto a criança estiver naquela unidade de saúde, conforme explicou o diretor do Hospital e Maternidade Caçula Leite, em Conceição, Júnior Lacerda.

Diante do fato ocorrido, a direção do Hospital e Maternidade Caçula Leite, em comum acordo com a Secretaria Municipal de saúde, decidiu afastar o médico até completar a apuração dos fatos.

“Estão explorando esse fato lamentável que aconteceu com a criança, tentando levar para o lado político, sem menor necessidade. Tudo que foi preciso fazer nós fizemos. Por uma infelicidade, o médico liberou a criança para continuar o tratamento em casa a pedido dos próprios pais, segundo o médico. Diante desse procedimento médico, o prefeito Samuel Lacerda já afastou o profissional e mandou abrir uma sindicância para apurar o ocorrido e punir o profissional caso se comprove a sua responsabilidade. O pequeno está em tratamento e não corre nenhum risco, inclusive já está andando pelos corredores do hospital. Lá todo procedimento está sendo realizado pelo Sistema Único de Saúde, graças a Deus”, explicou o diretor do Hospital e Maternidade Caçula Leite, Júnior Lacerda, durante contato com a reportagem do Vale do Piancó Notícias.

O Ministério Público deve se manifestar a cerca do assunto e poderá mandar que sejam apuradas as circunstâncias de como se deu o incidente e qual a responsabilidade por todos envolvidos no caso.

Fonte: Redação do Vale do Piancó Notícias