Após 17 anos, Júri absolve Cabo Valderi acusado no caso da Chacina dos adolescentes de Cajazeiras Após 17 anos, Júri absolve Cabo Valderi acusado no caso da Chacina dos adolescentes de Cajazeiras Após 17 anos, Júri absolve Cabo Valderi acusado no caso da Chacina dos adolescentes de Cajazeiras

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Após 17 anos, Júri absolve Cabo Valderi acusado no caso da Chacina dos adolescentes de Cajazeiras




O Tribunal do Júri de Cajazeiras absolveu o Policial Militar VALDERI GOMES DE OLIVEIRA, na participação na morte de três jovens no caso ocorrido na cidade de Ipaumirim próximo da divisa com a PB.

Crime ocorreu no dia 08/05/2004, tendo como vítimas JOSÉ ANTÔNIO DOS SANTOS FILHO, CICERO ROBERTO DA SILVA DE SOUSA e DEMETRIO CAVALCANTI SILVA.

 O julgamento ocorreu nesta terça-feira dia 14 de setembro de 2021, 17 anos após o crime que ficou conhecido como Chacina dos Adolescentes.

No julgamento, o Ministério Público requereu a absolvição do réu por insuficiência de provas. A Defesa, por sua vez, requereu a absolvição alegando que o Cabo Valderi não foi o autor do crime. Os jurados do Conselho de Sentença entenderam que o crime efetivamente ocorreu, mas “que o acusado não foi um dos autores”.

Os outros acusados no caso já tinham sidos absolvidos em outro julgamento.