Jovens de Cajazeiras são agredidas com garrafada após uma delas se negar a dança com investigado durante um bolão de vaquejada Jovens de Cajazeiras são agredidas com garrafada após uma delas se negar a dança com investigado durante um bolão de vaquejada Jovens de Cajazeiras são agredidas com garrafada após uma delas se negar a dança com investigado durante um bolão de vaquejada

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Jovens de Cajazeiras são agredidas com garrafada após uma delas se negar a dança com investigado durante um bolão de vaquejada








Duas jovens foram brutalmente agredidas com golpes de garrafa durante um Bolão de Vaquejada no sítio Cabaceira entre os  municípios e Ipaumirim CE e  Bom Jesus no sertão da Paraíba.

O fato se deu durante no início deste domingo,  as jovens Lucianny Nunes de Albuquerque e Ana Karolyne Barroso Dantas, ambas de 20 anos  estavam acompanhadas de amigas num bolão de vaquejada, quando o suspeito José Epitácio Silva Neto, se aproximou e chamou Lucianny para dançar, com a negativa, começou uma discussão, momento que o suspeito pegou uma garrafa que estava na mesa das vítimas e arremessou contra as jovens, causando ferimentos graves em Ana Karolyne Barroso Dantas na região da face e na cabeça de Lucianny.

Feridas com tal agressão injusta, Ana Karolyne  desmaiou e teve que ser socorrida ao Hospital Regional de Cajazeiras.

De acordo com informações, o caso foi registrado na delegacia de Polícia Civil para que as medidas cabíveis sejam tomadas. Porém até o momento o suspeito não foi localizado pela polícia.

Após agredir as jovens o investigado fugiu e não foi localizado pela PM.