Treze pessoas são presas, veículos de luxo, armas e drogas são apreendidos e organizações criminosas são desarticuladas na Paraíba Treze pessoas são presas, veículos de luxo, armas e drogas são apreendidos e organizações criminosas são desarticuladas na Paraíba Treze pessoas são presas, veículos de luxo, armas e drogas são apreendidos e organizações criminosas são desarticuladas na Paraíba

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Treze pessoas são presas, veículos de luxo, armas e drogas são apreendidos e organizações criminosas são desarticuladas na Paraíba



Treze pessoas foram presas, carros de luxo, drogas e armas foram apreendidos e duas organizações criminosas ligadas ao tráfico de drogas foram desarticuladas nesta segunda-feira (5), em João Pessoa.

A ação foi deflagrada pelas Polícias Civil e Militar e de acordo com o Bruno Victor, os grupos eram formados, em sua maioria, por jovens de 25 a 30 anos, de classe média baixa, mas que mantinham padrões de vida incompatíveis com as funções exercidas por eles. Além disso, algumas mulheres também integravam o grupo e a função delas era arrecadar e guardar o dinheiro. Ainda conforme o delegado há indícios de que duas empresas dos segmentos de gás de cozinha e gás industrial seriam usadas para lavagem de dinheiro do tráfico.

Além das prisões, a operação resultou na apreensão de armas de fogo, munições, veículos, quase 1 kg de cocaína e ainda R$ 90 mil em espécie.

Denominada Operação ‘Morabito”, a ação faz referência a um famoso líder da máfia italiana, considerado “o rei da cocaína” em Milão, preso coincidentemente na capital paraibana no dia 25 de maio.

O líder de um dos grupos investigados dizia-se ser “o Morabito da Paraíba”.

Os presos estão presos na carceragem da Central de Polícia Civil aguardando audiência de custódia