Polícia prende integrante de facção criminosa foragido da Justiça do RN que morava na Paraíba há mais de quatro anos Polícia prende integrante de facção criminosa foragido da Justiça do RN que morava na Paraíba há mais de quatro anos Polícia prende integrante de facção criminosa foragido da Justiça do RN que morava na Paraíba há mais de quatro anos

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I

SUPER BANNER

SUPER BANNER

Polícia prende integrante de facção criminosa foragido da Justiça do RN que morava na Paraíba há mais de quatro anos






A Polícia Civil da Paraíba, através de ações da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio de Campina Grande (DRF-CG) e Delegacia Municipal de Caicó/RN deflagraram na manhã desta quarta-feira, 14, uma operação que resultou no cumprimento de dois mandados de busca e cinco mandados de prisão contra integrante de facção criminosa do Rio Grande do Norte que se encontrava na Paraíba há mais de quatro anos. A prisão aconteceu na cidade de Campina Grande.

A ação policial tinha como meta a captura de um homem de 27 anos conhecido por Berô. Ele é foragido da Justiça e acusado de diversos crimes relacionados ao tráfico de drogas, comércio ilegal de armas de fogo e homicídio. 

“Os mandados foram cumpridos no Bairro Cuités, em condomínios considerados de luxo de propriedade de parentes do investigado. Durante a operação fora encontrado e apreendido em poder de Berô drogas ilícitas, dinheiro, apetrechos típicos da comercialização de entorpecentes e uma pistola cal.380 municiada, o que culminou também com sua prisão em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo”, informou o delegado Glauber Fontes, da 2ª Superintendência de Polícia Civil em Campina Grande.

A operação foi intitulada BV em decorrência de Berô ter sido encontrado homiziado em um imóvel cujo muro continha a inicial de sua alcunha e a de sua companheira.

“Berô confirmou aos policiais que todos os objetos ilícitos apreendidos eram de sua propriedade e isentou a responsabilidade penal de sua companheira “V”, a qual também fora interrogada e negou participar das ações criminosas do marido”, completou o delegado.

“Durante a operação foram apreendidos ainda vários aparelhos celulares e veículos automotores em nome de terceiros, sendo que as diligências no entorno do investigado ainda continuarão com o escopo de identificar se o mesmo também cometera o crime de lavagem de dinheiro, conduta consistente em ocultar ou dissimular a natureza, origem, localização ou propriedade de bens, direitos ou valores provenientes, direta ou indiretamente, de infração penal”, destacou o delegado

“O investigado Berô, detentor de cinco mandados de prisão expedidos pela justiça do Rio Grande do Norte se encontra recolhido na carceragem da Central de Polícia Civil de Campina Grande  aguardando apresentação para a audiência de custódia, sendo que já consta pedido de recambiamento deste para cumprimento de pena em estabelecimento prisional do Rio Grande do Norte”, concluiu Glauber Fontes.


Polícia Civil da Paraíba
Assessoria de Comunicação