Delegado diz que mulher morta pelo ex-campaheiro em Patos não conseguia mais conviver com o agressor devido a agressões sofridas. VEJA O VÍDEO Delegado diz que mulher morta pelo ex-campaheiro em Patos não conseguia mais conviver com o agressor devido a agressões sofridas. VEJA O VÍDEO Delegado diz que mulher morta pelo ex-campaheiro em Patos não conseguia mais conviver com o agressor devido a agressões sofridas. VEJA O VÍDEO

BANNER PRINCIPAL

BLOCO pequeno I
SUPER BANNER

Delegado diz que mulher morta pelo ex-campaheiro em Patos não conseguia mais conviver com o agressor devido a agressões sofridas. VEJA O VÍDEO





Em vídeo distribuído com a imprensa local na manhã desta quarta-feira, 14 de abril, o delegado de homicídio de Patos, Galdêncio Neto, distribuiu um vídeo onde traz mais detalhes do assassinato da jovem Cláudia Gomes de Medeiros, 29 anos, morta a facadas nesta terça-feira (13) no Sítio São Bento, Distrito de Santa Gertrudes, município de Patos.

Galdêncio traz detalhes de como foi a ação criminosa, e revela que a vítima teria deixado o relacionamento com o suspeito Evani Lucena, há dois meses, devido não conseguir mais conviver com as agressões sofridas e praticadas pelo ex-marido.

No vídeo o delegado diz que a polícia está no trabalho de tentar localizar o suspeito e pede ajuda da população para ajudar denunciando de forma anônima pelo número 197 da polícia civil.




Patosonline.com