Polícia Civil descobre que Homem acusado de tentar invadir residência terapêutica em Cajazeiras usava nome falso por ser foragido da justiça do Ceará pelo crime de Homicídio.









     


A Polícia Civil de Cajazeiras através da Delegacia da Mulher em Conjunto com os agentes GTE conseguiram identificar um criminoso foragido da Justiça do Estado do Ceará nessa quinta-feira (24).

 Entenda o começo.


Segundo informações por volta das 17h dessa quarta-feira (23), o Centro de Operações da Polícia Militar, sediado em Cajazeiras, (COPOM), entrou em contato com a Viatura: 6492, informando que na Residência Terapêutica havia um ex-paciente identificado como Antônio Filho dos Santos, 55 anos bastante alterado armado com uma faca de aproximadamente 10 polegadas, tentando adentrar aquela Casa de Tratamento de Saúde, que fica localizada a Rua Teotônio Vilela nº 30 Bairro Jardim Oásis.

De posse dessas informações, foram iniciadas diligencias e logo em seguida o suspeito foi localizado em frente a um Grupo Municipal na Vila Nova I, no momento da prisão foram feitas pesquisas, sobre a vida pregressa do cidadão infrator, porém nada fora constatado. 



 Diante dos fatos, o infrator foi conduzido até a 1ª Distrital ficando a disposição das autoridades competentes. 


Nessa quinta-feira (24), o acusado não foi convincente sobre seu perfil, quando os Policiais fizeram um levantamento minucioso descobriram que Antônio Filho dos Santos, 55 anos, na verdade usava um nome falso e que na verdade seu nome é Francisco Evandro dos Santos de 55 anos, foragido da justiça do Ceará a dez anos pela pratica de homicídio qualificado na cidade de Juazeiro.

O acusado que atualmente é morador de rua confessou a prática delituosa no qual relatou que também teria praticado três tentativas de homicídio. 


Francisco, também deverá responder pelo crime de estelionato no qual usava uma imagem de uma criança muito doente, dizendo ser sua filha, para enganar populares.

O acusado foi encaminhado para o Presídio Padrão de Cajazeiras ficando a disposição da justiça.


Os trabalhos de investigação foram coordenados pela delegada Doutora Cristiane (delegada da Mulher) que ressaltou o empenho da equipe para identificar e manter preso mais um foragido da justiça.



Polícia Civil descobre que Homem acusado de tentar invadir residência terapêutica em Cajazeiras usava nome falso por ser foragido da justiça do Ceará pelo crime de Homicídio. Polícia Civil descobre que Homem acusado de tentar invadir residência terapêutica em Cajazeiras usava nome falso por ser foragido da justiça do Ceará pelo crime de Homicídio. Reviewed by Ângelo Lima on 04:52:00 Rating: 5

Previsão do Tempo