Pombalense é assassinada a tiros pelo ex-namorado em São Paulo


Uma pombalense que residia em São Paulo, foi brutalmente assassinada por seu ex-companheiro, que logo após o ato bárbaro cometeu suicídio, fato ocorrido na última segunda-feira (03/07), na capital paulista.

A vítima identificada como Marilene Sousa Melo de 33 anos, seguia para o trabalho quando foi abordada pelo seu ex-companheiro Welcio Bernardo Martins de 35 anos, agente penitenciário, que atirou contra a jovem pombalense que ainda chegou a ser socorrida para um hospital, não resistindo vindo a óbito.

Câmeras de vídeo registraram o momento do crime, que ganhou repercussão nacional, sendo matéria do programa jornalístico Cidade Alerta da TV Record.

Após o crime, o acusado gravou uma mensagem pedindo desculpas à família de Marilene e logo depois cometeu suicídio.

Uma das últimas postagens do agente penitenciário antes de cometer o suicídio.

Na postagem no WhatsApp, pouco tempo antes de tirar a própria vida, Welcio pede a Deus e a todos que o perdoe.  

De acordo com pessoas ligadas a família, Marilene era mãe de uma menina de cinco anos, o corpo da pombalense foi sepultado nesta terça-feira (04/07) em São Paulo, seus pais residem na cidade de Pombal, no Sertão paraibano.

Segundo foi repassado a nossa reportagem, o relacionamento do casal era marcado por conflitos, o casal já havia se separado outras vezes e Welcio já teria agredido Marilene durante brigas do casal.

Welcio foi sepultado na manhã desta quarta-feira (05/07) também em São Paulo.

Henio Wanderley - HW COMUNICAÇÃO
Pombalense é assassinada a tiros pelo ex-namorado em São Paulo Pombalense é assassinada a tiros pelo ex-namorado em São Paulo Reviewed by Ângelo Lima on 20:33:00 Rating: 5

Previsão do Tempo