PM que atirou em comerciante pode ser afastado, diz comandante











A noite do dia 6 de abril foi bastante movimentada na Delegacia de Polícia Civil de Patos, com um caso atípico para os plantões policiais. Um Policial Militar identificado como Everson foi detido após atirar em um popular de apelido Marinheiro. O fato aconteceu no cruzamento das ruas Felizardo Leite com Oscar Torres, nas proximidades da feira da troca.

A vítima disse a polícia que o policial estava discutindo com uma mulher, e que ao tentar apaziguar a discussão, o PM sacou uma arma e atirou contra ele. A vítima identificada como Marinheiro foi atingida no braço e no abdômen.

De acordo com Major Douglas, comandante do Batalhão de Polícia Militar de Patos, houve a confirmação de que o policial da Rotam atirou contra o popular.

Ele ainda informou que devido à disponibilidade do policial em ter se apresentado por conta própria na Delegacia de Polícia Civil, o mesmo vai responder pelo crime em liberdade.

Mesmo tendo o direito de responder em liberdade, o policial vai responder ao inquérito aberto pela autoridade policial, inclusive constando a tentativa de homicídio.

Logo após o corrido, as guarnições de Polícia acionaram o SAMU, que de imediato se dirigiu até o local e prestou os primeiros socorros. A vítima foi submetida ao atendimento no Hospital Regional e não corre risco de morte.

O comandante ainda revelou que será aberta uma sindicância para apurar detalhadamente a falha praticada pelo policial, que ficará afastado das atividades de campo até que a apuração seja concluída.

Patos Online

OUÇA O ÁUDIO ABAIXO
PM que atirou em comerciante pode ser afastado, diz comandante  PM que atirou em comerciante pode ser afastado, diz comandante Reviewed by Ângelo Lima on 05:41:00 Rating: 5

Previsão do Tempo