Polícia Civil desvenda homicídio e prende acusado na cidade de Sousa



Uma ação realizada no bairro da Angelim em Sousa, por parte do Grupo Tático Especial (GTE) e gentes da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), resultou na prisão do popular Francisco Severino Neves Neto, conhecido também por “Chicão”, de 25 anos, já que existia em seu desfavor um mandado de prisão expedido pela Justiça sousense pelo crime de homicídio qualificado. O crime aconteceu no dia 25 de junho do corrente ano, contra o popular Gerôncio Alves de Santana, conhecido também como “Jonhson” que tinha 42 anos.

O homicídio foi praticado na Rodovia José de Paiva, saída de Sousa para Uiraúna, onde a vítima seguia em uma moto e a principio tinha se envolvendo em um acidente automobilístico com outra moto.


O corpo de Francisco Severino foi levado ao Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (NUMOL), sendo constatado que o mesmo tinha sido anteriormente vítima de disparos de arma de fogo e possivelmente tentou fugir e bateu violentamente contra outra moto que seguia em sentido oposto com três pessoas que ficaram gravemente feridas.


Os agentes da Polícia Civil passaram a investigar o caso e conseguiram chegar a conclusão de um homicídio, tendo com um dos envolvidos, a pessoa de Francisco Severino Neves Neto, o “Chicão” que cometeu o crime em companhia de outra pessoa (nome preservado), que se encontra foragida.

Após a prisão, Francisco Severino Neves Neto foi levado à Delegacia de Polícia CIvil e em seguida encaminhado à Colônia Penal Agrícola do Sertão, onde ficará a disposição da Justiça sousense. A ação investigativa foi coordenada pela Dra. Patrícia Forny e pelo Dr. Carlos Seabra, que conseguiram elucidar esse crime.

Da Redação do Sertão Informado