Corpo de mulher encontrada morta em Cajazeiras permaneceu no local por mais de 13 horas por falta de Rabecão


O corpo da senhora Lúcia de Fátima Donato, 52 anos, encontrado sem vida no interior de seu apartamento no centro da cidade de Cajazeiras por volta das 5h00 da manhã dessa segunda-feira (28), permaneceu no local por cerca de 13 horas, aguardando a chegada de um Rabecão que estava vindo do município de Itaporanga.

Devido a não vinda do carro responsável pelo recolhimento, o corpo foi liberado para o sepultamento.

O corpo foi retirado às 18:40 min sendo sepultado logo em seguida. 

O caso revoltou toda a população que usou as redes sociais para cobrar o IML.