Após morte encefálica, hospital de Trauma confirma óbito do policial do BOPE de Cajazeiras, o jovem Marcelo Fernandes


Marcelo foi vítima de acidente na noite do sábado (22), na terça-feira foi informada a morte encefálica do policial e depois o óbito.

Após 11 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital de Trauma de Campina Grande, foi confirmada nesta terça-feira (1), a morte total do policial cajazeirense, Marcelo Fernandes da Costa.


O Diário do Sertão entrou em contato com Serviço Social do Trauma, onde foi informado que o quadro do paciente evoluiu para óbito. “Ele estava em morte encefálica e hoje evoluiu para o óbito”, disse Neném.


O corpo de Marcelo será transladado para cidade de Cajazeiras, será velado no Memorial São Sebastião e sepultado nessa quarta-feira (2), Dia de Finados.

Marcelo foi vítima de acidente na noite do sábado (22), na terça-feira (25), foi informada a morte encefálica do policial, porém, os demais ógãos ficaram funconando através de aparelhos.

A família havia sinalizado para doação dos órgãos, porém, em nota emitida nesse sábado (29), do comandante da 6ª Companhia do Bope, o Capitão Esaú Lucena explicou que não seriam doados por decisão familiar.

DIÁRIO DO SERTÃO