Para assaltar joalharia, bandidos planejam homicídio, mas são surpreendidos pela polícia


Uma operação integrada entre as Polícias Militar e Civil das cidades de Patos e Pombal terminou com a prisão de uma quadrilha que iria realizar roubos e um homicídio na cidade de Pombal.

De acordo com o capitão Batista, comandante da Companhia de Pombal, por meio de trabalho de investigação, a Delegacia de Homicídios e Entorpecentes da cidade de Patos identificou que integrantes de uma quadrilha iriam sair daquela cidade para se encontrar com outros da cidade de Pombal onde iriam cometer um homicídio para chamar a atenção da Polícia e em seguida roubar joalherias da cidade.

De imediato foram passadas as caraterísticas dos suspeitos para a Polícia Militar da cidade de Pombal que conseguiu interceptar os indivíduos nessa cidade antes que cometessem os crimes.

Com ele foram apreendidas armas, drogas, uma moto Bros azul placa NQE-0521 roubada da cidade de Queimadas e um carro Duster de cor preta, placas OGG-1209, proveniente da cidade de Condado.
Foram presos: Ney Robson de Lucena Pereira, 27 anos, vulgo “Tem Tem”, o mesmo já foi preso por posse de arma, Igor Gomes dos Santos, 19 anos, o mesmo é oriundo do Distrito Federal e já foi preso por tráfico, Ewerton Gomes de Almeida, 22 anos, da cidade Patos, vulgo Totinha, o mesmo já foi preso por receptação de veículo roubado; Diego Alves de Oliveira, 23 anos, oriundo da cidade de Patos e Rafael Soares da Silva, 21 anos, vulgo grilo, oriundo da cidade de Patos, o mesmo já foi preso por homicídio na cidade de Patos.

O comandante explicou que contra o Tem Tem também já havia um mandado de prisão em aberto pelo crime de tentativa de homicídio na cidade de Pombal, “o mesmo é quem estava coordenando todo o tráfico de drogas nesta cidade após a prisão do traficante Francy Rainei pela Polícia Militar também na cidade de Pombal no mês de setembro do ano passado”, explicou o capitão Batista.


Assessoria