Menor da cidade de Cajazeiras que tocava terror em Uiraúna é morto a bala no início desta quinta








Um homicídio foi registrado por volta de 01:10min desta quinta-feira (20) na Rua Euclides Fernandes próximo  do Açougue Público da cidade Uiraúna.

Informações que a PM e o SAMU foram acionados para atender uma ocorrência de vítima de disparo de arma de fogo. Chegando ao local se depararam com um menor bastante conhecido do mundo policial identificado como Clavyl Guillyard Matheus dos Santos de 17 anos, que é natural da cidade de Cajazeiras, no qual foi atingido por cerca de 3 disparo de arma de fogo calibre 38 que foram disparados pelo vigilante Pedro de Oliveira de 41 anos.

Informações dão conta que dias atrás, o menor teria sido flagrado pelo vigilante em uma tentativa de furto no qual desde então o menor ameaçava o vigia de morte.

No início desta madrugada  Matheus ao ver  Pedro de Oliveira que estava trabalhando, foi tomar satisfação onde ocorreu uma briga no qual o vigilante socou de uma arma efetuando vários tiros que acertaram o peito e as costas de Matheus, que recentemente estava morando na cidade de Uiraúna no qual segundo informes da Polícia Militar tocava o terror na população.

Matheus foi ocorrido para o Hospital Regional de Cajazeiras vindo a óbito pouco tempo depois.

O menor teria sido liberado recentemente do CEA na cidade de Sousa no qual passou cerca de um ano e oito meses em virtude de assaltos cometidos na cidade de Cajazeiras.

O corpo será encaminhado para o IML de Patos para ser realizado o exame cadavérico. Uma guarnição comandada pelo Cabo Fernandes composta pelos soldados Edênio e Barroso efetuaram a prisão do vigilante que alegou ter matado para não morrer.

O acusado foi conduzido para DP de Cajazeiras para os procedimentos que requer o caso.