Comoção marca o sepultamento de Agente Penitenciário. Delegado desmente que agente foi morto com a própria arma


















 Fotos e informações Uiraúna Net

Familiares, amigos, colegas de trabalho e demais integrantes da segurança pública, despediram-se na manhã deste domingo (23), do agente penitenciário Francisco Josemar, 35 anos, que era lotado no presídio da cidade de Sousa.

O sepultamento foi realizado no Campo Santo Jesus, Maria e José, na cidade de Uiraúna, e contou com a presença de dezenas de Agentes Penitenciários do município de Sousa e do Estado. Os colegas de profissão vieram prestar solidariedade e homenagens.

O agente foi morto na madrugada do último sábado (22), quando estava em uma festa no centro da cidade de Joca Claudino. O mesmo se envolveu em uma briga sendo morto com seis tiros, onde em seguida teve sua arma levada durante o crime.

Outras duas pessoas foram atingidas pelos disparos. Cícero de Andrade Vital, 30 anos, sofreu um ferimento na mão e José Polietio, 24 anos, sofreu um ferimento na região da virilha. Os mesmos foram socorridos para o Hospital Regional Cajazeiras.

O Delegado Braz Morroni desmentiu boatos que a vítima teria sido assassinado com sua própria arma. Ele  nem chegou a sacar arma disse Braz. Veja vídeo!