Tenho prazer e orgulho de ser filho adotivo de Cajazeiras



“Tenho prazer e orgulho de ser filho desta terra. Cajazeiras é uma cidade mãe que tem a capacidade de adotar cidadãos do mundo todo. Todos sabem que sou filho natural de São José de Piranhas, mas fui adotado por Cajazeiras que me ungiu a ser um cidadão nordestino com muita satisfação”, afirmou nesta segunda-feira (22), o deputado estadual Jeová Campos (PSB) que está na cidade participando das comemorações dos 153 anos de emancipação política do município. “Cajazeiras é especial, eu tenho raízes profundas com ela e como deputado tenho um olhar e atenção especial por essa terra, de gente sábia, forte e guerreira”, destacou Jeová.

 “Padre Inácio Rolim, com suas fagulhas de inteligência e intelectualidade, construiu para Cajazeiras um caminho que hoje é o motivo e  razão maior de desenvolvimento que é a Educação. Não à toa a minha vida mudou por causa do estudo. De menino pobre, vendedor de alho na feira, por causa da Educação me formei advogado, passei em concurso público da UFCG e hoje sou deputado, no segundo mandato, e foi justamente por causa da educação que Cajazeiras nasceu,  quando o Padre Rolim, ergueu uma “Casa Escola” na fazenda dos seus pais e começou a escrever a história desta cidade e de seus habitantes, não por acaso Cajazeiras é conhecida como  ‘a cidade que ensinou a Paraíba ler’, disse o deputado.

O parlamentar lembrou que essa semana, além das homenagens a cidade e a ‘santa história de Pe. Inácio Rolim’, a ALPB, através de uma iniciativa sua, vai homenagear um filho ilustre da terra ao entregar a medalha Epitácio Pessoa ao desembargador Siro Darlan, em solenidade que acontecerá na sexta-feira (26), na Câmara de Vereadores de Cajazeiras. No sábado (27), outro evento movimentará a cidade. Trata-se de uma ação da Frente Parlamentar da Água da ALPB, presidida por ele, que irá realizar o fórum ‘Grito das Águas’ para encontrar saídas emergenciais e urgentes para dar continuidade as obras da transposição do Rio São Francisco, especialmente no tocante ao abandono da obra pela construtora Mendes Júnior.

Detalhes da história de Cajazeiras

A criação do município de Cajazeiras deu-se no dia 23 de novembro de 1863, quando o então Presidente da Província da Paraíba do Norte, Francisco de Araújo Lima sancionou a Lei n o 92. Por esta mesma Lei a povoação de Cajazeiras foi elevada à categoria de Vila. No dia 10 de julho de 1876 pela Lei de n o 616 foi elevada à categoria de cidade a então Vila de Cajazeiras. Mas, apesar de Cajazeiras ter duas importantes datas na sua história, a Câmara Municipal, em 1948, aprovou um projeto de Lei de autoria do então vereador Geminiano de Sousa, estabelecendo o dia 22 de agosto, dia do nascimento do Padre Inácio de Souza Rolim, para ser comemorado o aniversário da cidade. A data, desde então, é feriado municipal.