Senadores declaram satisfação pela forma como Raimundo Lira presidiu Comissão do Impeachment



O Senador Raimundo Lira (PMDB-PB) vem recebendo diversas manifestações de reconhecimento dos colegas parlamentares pela forma como comandou o processo que examinou o pedido de afastamento definitivo da presidente Dilma Rousseff (PT) na Comissão Especial do Impeachment, cuja fase presidida pelo paraibano foi encerrada.

Após a leitura, discussão e aprovação do parecer do relator do Senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), os parlamentares se reservaram nos microfones para destacar, positivamente, a forma “ética, responsável, isenta e equilibrada” como o senador paraibano conduziu os trabalhos.

A paciência e a habilidade de Lira em contornar os conflitos que surgiram ao longo dos trabalhos foram lembrados pelos parlamentares, a exemplo do Senador Magno Malta (PR-ES). “Quero parabenizar a paciência de Raimundo Lira, que chegou com o cabelo mais preto, e está indo embora com os cabelos mais brancos”, disse, descontraidamente.

O Senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) também destacou a atuação de Lira na Comissão. “Eu queria cumprimentar o senador Raimundo Lira pelo exercício dessa presidência. Pela sua paciência, pela sua serenidade e pela sua habilidade em contornar os conflitos que, muitas vezes, foram promovidos nesta comissão” destacou.

O Senador Telmário Mota (PDT-RR) também manifestou reconhecimento pela forma como o peemedebista presidiu os trabalhos. “Eu quero parabenizar o senador Raimundo Lira, e aqui é por unanimidade. A forma responsável, serena, íntegra, como Vossa Excelência presidiu essa comissão”.

Companheiro da bancada paraibana e líder do PSDB no Senado, o Senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) foi outro que felicitou Raimundo Lira pelo êxito alcançado na Comissão Especial do Impeachment. “Quero felicitar o senador Raimundo Lira que, com muita paciência, equilíbrio e firmeza, conduziu esta comissão até aqui”.

No encerramento dos trabalhos, o Senador Dário Berger (PMDB-SC) também se manifestou, dizendo que a presidência foi exercida com equilíbrio, prova de que os parlamentares acertaram na decisão, quando escolheram o paraibano para a missão.

Já o Senador Cristovam Buarque (PPS-DF) ressaltou que Lira atuou “com sabedoria” para conduzir os trabalhos, e “sem ceder a pressões”. “O senhor tem a característica que se espera dos grandes políticos e estadistas”.

A senadora na Ana Amélia (PP-RS) e o senador Waldemir Moka (PMDB-MS) também repetiram o gesto. “Eu queria cumprimentar o senador Raimundo Lira pela habilidade, serenidade e equilíbrio de conduzir os trabalhos” parabenizou Ana Amélia.

Assessoria de Imprensa
Gabinete do Senador Raimundo Lira – PMDB/PB