Mulher que veio participar de evento religioso em Cajazeiras é assaltada na tarde sábado



Segundo informações uma mulher de 50  anos que é natural de Catolé do Rocha, teria vindo à cidade de Cajazeiras participar das atividades alusivas aos 25 anos da Comunidade Siloé, quando foi surpreendida por um elemento que subtraiu seu aparelho celular de seu bolso.

O acusado após o crime fugiu a pé onde  foi reconhecido por testemunhas.  A PM foi acionada, mas o acusado que não teve seu nome revelado conseguiu fugir e deverá ser preso a qualquer momento.

O caso foi comunicado a Polícia Civil de Cajazeiras.