Polícia Militar é acionada para conter rebelião no CEA de Sousa



Após Operação Pente Fino realizada pela Polícia Militar no Centro Educacional do Adolescente (CEA) em Sousa, onde foram apreendidos vários celulares e armas artesanais, os reeducandos realizaram vários princípios de rebeliões.

Já por volta das 6h30 desta quarta-feira (29), os internos deram início a mais um motim e passaram a “bater grades”, arremessar pedras contra os agentes de serviço, e tentaram arrombar uma grade que possivelmente facilitaria uma fuga em massa. A polícia militar foi informada do ocorrido e guarnições de Rádio Patrulha, ROTAM e BOPE foram mobilizadas para se deslocarem até o local com o intuito de conter o tumulto.

Durante o motim foram danificados vários objetos e diversas ameaças realizadas aos agentes de plantão. Os baderneiros estão sendo indentificados, onde dois são maiores de idade, posteriormente serão encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para serem adotados os procedimentos rotineiros que requer o caso, podendo serem autuados pelos crimes de danos ao patromônio público e ameaça aos agentes.

Conforme informações repassadas, o CEA de Sousa atualmente conta com cerca de 70 internos, onde a capacidade programada seria de 25 adolescentes.

Da Redação do sertão Informado