Esposo de mulher morta em acidente, quebra o silêncio e relata como tudo aconteceu



Após o sepultamento da esposa, Erika Alves de Matos (21), morta num acidente na madrugada desta quarta-feira (29), o esposo da vítima fatal quebrou o silêncio relatando como tudo aconteceu à reportagem do site.

A entrevista foi concedida pelo jovem Jucélio de Oliveira Ribeiro (24), na manhã desta quinta-feira (30), em sua própria residência.

Na ocasião da fatalidade o popular vinha com a mulher na garupa de sua moto uma Honda CG Titan, placa OFK 6026 Pombal, quando nas proximidades do radar na saída para Paulista foi atingido na traseira por um Chevrolet Agile,  dirigido por Fábio Araújo, mais conhecido por “Fábio Capa Porco”.

Após o impacto a motocicleta ainda foi arrastada por alguns metros ficando embaixo do automóvel, Erika Alves morreu no local.

O condutor do veículo evadiu-se após a colisão enquanto o carro permaneceu no cenário do incidente com a lateral direita da frente avariada, já a Honda  destroçada.

Jucélio de Oliveira disse que ao sair de casa encontrou Fábio Araújo conversando nas proximidades de um bar ali existente.

Ao pegar a BR 427 com destino a uma festa que estaria acontecendo na quadra de “Assis Preto”, logo após a lombada eletrônica há cerca de 20 metros sentiu o impacto da colisão traseira. “Tudo foi muito rápido”, disse ele.

Ao perceber a esposa morta se desesperou diante da situação passando a pedir ajuda aos que passavam naquele instante.

“Cheguei a ver quando ele saiu do carro e correu”, se referindo ao popular envolvido que não chegou a prestar qualquer ajuda ou solicitar socorro.

Coisas do destino ou fatídica coincidência Jucélio não queria ir para a festa, porém acabou tomando a decisão para satisfazer o desejo da companheira, resultando na tragédia.

O sepultamento aconteceu na tarde da quarta-feira (29) em clima de comoção por parte de familiares e amigos, bem como de pessoas da cidade que ficaram chocadas com o fato.

“Enfrento tudo isso com o coração partido, mas espero de Deus forças para criar meus dois filhos”, afirmou emocionado.

Questionado se deixaria uma mensagem para o responsável pelo incidente, Jucélio de Oliveira Ribeiro apenas enfatizou: “A recompensa de Deus tarda, mas não falha. Entrego tudo nas mãos dele”.

O jovem pai passará por intervenção cirúrgica na próxima terça-feira (05) para corrigir problema no braço, resultado do impacto.

Mrcelino Neto