Dor e comoção marcam velório das vítimas do acidente na BR 230 em Coremas


No final da tarde desta segunda-feira (13), aconteceu no Centro Paroquial da cidade de Coremas no Vale do Piancó, o velório das vítimas mortas no acidente deste domingo (12) na BR 230 em Cajazeiras.

As vítimas eram todas da mesma família e eram naturais de Coremas: Jandilson Gomes de 30 anos, Elisama Leite de 28 anos, eram casados e tinham um filho, Cauã Janderson de 3 anos, além dos pais de Jadilson os senhores João da Silva Belarmino de 69 anos e Cicera Gomes da Silva de 54 anos. Duas crianças sobreviveram e foram foram levadas para o Hospital Regional de Cajazeiras, e logo após foram transferidas para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, ainda em estado grave.

As sete pessoas viajavam em um Fiat Uno, vindos de Juazeiro do Norte, onde foram buscar Elisama no aeroporto, que havia desembarcado com os filhos retornando de  uma viagem a Brasília.

A Polícia Rodoviária Federal já designou agentes para investigar o caso. A princípio, as investigações apontam que um dos veículos estava acima da velocidade permitida no trecho da rodovia. A partir de terça-feira (14), a PRF vai divulgar mais informações sobre as causas do acidente.

Comovido, o prefeito de Coremas, Antônio Lopes, decretou,  luto oficial de três dias no município.
O sepultamento acontecerá no cemitério Municipal São João Batista.
DIÁRIO DO SERTÃO